Aparato da Polícia Federal é propaganda do golpe

espetaculo golpista 2

Mais de 200 policiais foram mobilizados para, armados até os dentes, levar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva

Nesta sexta-feira, 4 de março, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi levado pela polícia federal para depor no aeroporto de Congonhas. Por volta das 8h30 da manhã, cerca de 200 policiais federais cercaram o local em que Lula mora, em São Bernardo do Campo. Além do grande número de policiais, parte desse efetivo era composta de homens armados até os dentes e vestidos como soldados, como um exército tomando as ruas durante um golpe de Estado.

Esse grande aparato foi mobilizado pra montar uma cena diante das câmeras. O espetáculo montado pelos golpistas é uma propaganda do golpe, um desfile militar da direita. A imprensa burguesa, um dos principais agentes do golpe, estava devidamente posicionada para registrar as cenas. Para dar o golpe, a direita precisa simular apoio popular. O cenário preparado em São Bernardo do Campo tem também o propósito de tentar aumentar as manifestações convocadas pela direita.

Incapaz de vencer as eleições, a direita partiu para uma tentativa de golpe para derrubar o governo e tomar o poder. É a serviço desse objetivo que foi montado o espetáculo dessa manhã em São Bernardo do Campo. O programa da direita é de ataque às organizações da classe trabalhadora, cortes de gastos sociais, arrocho salarial etc. Para impor esse programa, querem derrubar a presidenta Dilma Rousseff e substituí-la por um governo da direita a serviço do imperialismo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s