Cerca de Israel

Em mais um capítulo da política genocida, Netanyahu propõe cercar Israel para isolar ainda mais o povo palestino

Latuff

O primeiro ministro de Israel, Binyamin Netanyahu, quer impor um maior bloqueio ao povo palestino ao propor cercar Israel na sua totalidade.

O noticiário da imprensa burguesa sobre os acontecimentos em relação ao cercamento do Estado de Israel tenta passar a impressão de que o fato é para evitar que “palestinos e cidadãos dos países árabes vizinhos se infiltrassem em Israel, e ajudaria a resolver o problema dos túneis usados pelo Hamas a partir de Gaza.” (Valor Econômico 10/02/16) “Na nossa vizinhança, precisamos nos proteger contra as feras selvagens” (idem), em referência às palavras de Netanyahu.

O que há na proposta de cercamento total de Israel na verdade é a política de massacre do povo palestino, massacre esse promovido por uma das maiores máquinas de guerra do mundo, sustentada pelos maiores repasses militares pelo imperialismo.

Cercada por Israel, Egito e o mar controlado por Israel os palestinos se encontram em uma gigantesca prisão a céu aberto. O cercamento total de Israel tem o objetivo deliberado de manter a economia em Gaza funcionando ao nível mais baixo possível. São vários produtos de primeira necessidade que são proibidos de entrarem por imposição do governo de Israel, e por existir o bloqueio, existirão túneis na Faixa de Gaza, justamente para atenuar em alguma medida os efeitos do bloqueio.

Israel é um enclave imperialista no Oriente Médio, para que os norte-americanos possam controlar a região e submetê-la aos seus interesses. Impulsionados pelos Estados Unidos, com um pesado financiamento militar os sionistas tratam de impor um estado de força, excluindo a população palestina e promovendo o seu massacre. O cercamento de Israel é a continuidade da política de extermínio do povo palestino pelo o imperialismo na defesa de seus interesses econômicos na região.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s